Seis sinais de desequilíbrio hormonal que você não deve ignorar

Desequilíbrios hormonais muitas vezes levam a estados de raiva, frustração e emoções estranhas “do nada”, porque eles desempenham um papel vital na saúde, afetando tanto a fertilidade/ovulação como o humor. Seu equilíbrio pode ser facilmente quebrado, muitas vezes na perimenopausa (anos que antecedem a menopausa), na puberdade e na menopausa, mas também por causa de hábitos de estilo de vida, tarefas, pílulas anticoncepcionais, ciclos menstruais e stress.

Aqui estão seis dos sinais mais comuns de desequilíbrio hormonal que deve se lembrar:

1. Fome constante. desequilíbrio hormonal frequentemente leva ao ganho de peso e os desejos de comer, especialmente desejo de doces, que é o resultado de níveis elevados do hormônio que estimula o apetite.

2. Mudanças de humor. mudanças regulares no humor, sentimentos de raiva, tristeza, felicidade e loucura são sinais de desequilíbrios hormonais. Estes podem ocorrer durante a menstruação ou na menopausa, mas não são tão intensos.

3. Fadiga. Fadiga leva à queda no desempenho e isso é o resultado de níveis mais elevados de cortisol, o hormônio responsável pelo stress.

4. O aumento constante de peso. Se você pratica regularmente mas não consegue manter o peso você pode sofrer de um desequilíbrio hormonal. Quando os hormônios estão em equilíbrio, perdas de peso acontecem apenas com um metabolismo regular. Mas se os hormônios não estiverem equilibrados a queima de calorias pode diminuir e o organismo se torna resistente à perda de peso. Assim, você vai acumular mais gordura na área abdominal.

5. Perda de libido. Desequilíbrio hormonal reduz o desejo sexual, pois são cruciais na manutenção da libido feminina. O estrogênio, testosterona e tireoide podem estar desequilibrados.

6. Insônia. Dificuldades em adormecer são sintomas comuns de desequilíbrio hormonal, especialmente durante e após a menopausa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *